sexta-feira, 22 de junho de 2012

Inverno - Flora Figueiredo


O inverno açoita lá fora.
É hora de acender o lume
e te dar meu colo, como de costume.
Deita teu sonho e enche tua taça
porque a noite cansa, a estrela passa
e a lua se apaga, morta de ciúme.

Flora Figueiredo In O trem que traz a noite
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares