sábado, 3 de março de 2012

Alegria e felicidade - Roque Schneider

O mais lancinante sofrimento humano é não ver sentido nas coisas, no mundo, no ritmo vertiginoso dos acontecimentos, nos mistérios que nos cercam e desafiam.
Felicidade compartilhada, alegria dobrada. Os descrentes e os egoístas, totalmente voltados sobre si mesmos, constroem as tristes grades da própria prisão.
Quem ama e é amado traz nos olhos o brilho do entusiasmo, o sorriso da esperança e da motivação, irradiando paz, serenidade, destemor.
O tédio só acampa em cidadãos carentes e marginalizados, em corações vazios e mesqui­nhos, órfãos de idealismo e espírito comunitário, desvinculados de Deus.
Como seria diferente este mundo em que vivemos, cheio de ódios, rancor e guerra... se houvesse mais gente erguendo os braços suplicantes e colocando os joelhos em terra...

Pe. Roque Schneider In Passos e Espaços - Para Ser, Viver e Crescer  
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares