quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

O sol saiu - Paulo Roberto Gaefke

Então o sol saiu assim mesmo?
Com toda a sua tristeza, com todos os seus problemas,
a vida prossegue!
O rio segue o seu curso, as plantas crescem,
pessoas continuam lutando, amando, trabalhando,
passando por você.
E você ainda parado?
Esperando o quê?
Esperando por quem?

Esperando, esperando, esperando…
Não é hora de mudar os hábitos que só te fazem mal?
Que história é essa de comer as mesmas coisas que queimam o estômago?
Que maneira é essa de amar com tamanha possessividade que assusta?
Que história é essa de cercar a vida dos filhos, até dos que já casaram?
Que tanto você reclama da escola, do emprego, dos amigos?
Será que ninguém presta, nada presta, só você?
O erro, o problema, a questão está mesmo nos outros?
Perguntas, perguntas e mais perguntas.
Parece que a vida é feita só de perguntas,
e você quer apenas uma resposta:
-Como ser feliz sendo exatamente do jeitinho que você quer ser.
Note que as pessoas não querem mudar nada, nem aquilo que é visivelmente nocivo.
Drogados continuam se enganando dizendo que não são viciados,
alcoólatras não assumem a doença nem com “reza brava”.
Pessoas ciumentas ao extremo acreditam que os “outros” exageram!
Mentirosos contumazes, já se esqueceram até o que é verdade…
E ainda assim,
a Vida, segue seu ritmo, passando por cima daqueles que insistem nas mesmas desculpas, nos mesmos argumentos, e vão ficando parados, para trás, no tempo das promessas vazias.
Se você quer ou precisa mudar,
hoje é o dia certo para começar uma pequena revolução na sua história.
Não é preciso esperar mais nada, é determinar e começar.
Parar com o cigarro, com a bebida, com a mentira,
com a hipocrisia, com a falsidade,
com a vergonha da sua origem, com a incerteza que incapacita,
com a falsa modéstia, com qualquer coisa que te deixe assim,
sem vontade de agir, de sair dessa “casca de infelicidade”
e ser feliz.
Infelizmente, nem eu, nem Jesus Cristo podemos fazer qualquer coisa por você além de vibrar, de torcer muito pela sua vitória, pois conquistas pessoais não se transferem.
“A glória de vencer a si mesmo é o seu maior troféu.”
Lembre-se:
ninguém, absolutamente ninguém pode sentir a dor que você sente.
Pense nisso e reaja!
É tempo de vencer!
Eu acredito na sua vitória
Paulo Roberto Gaefke
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares