segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Muros e Pontes - Roque Schneider

Além de importante propriedade a ser defen­dida, a vida é um dom a ser repartido, par­tilhado. Quem se fecha sobre si mesmo joga fora infantilmente as chaves da porta que abre para o país da plenitude, da realização humana. Viver é dividir e partilhar o que somos e o que temos. Quem não participa se apequena, empobrece, per­de altura e profundidade.

Por que levantar muros que dividem, se fomos chamados para a sagrada missão de ser ponte que une margens e aproxima peregri­nos em trânsito?

Imensa, verdadeiro programa de vida, a frase de Tagore:

" Que eu não reze para ser preservado dos perigos, mas para encará-las de frente".


Pe. Roque Schneider In Passos e Espaços - Para Ser, Viver e Crescer 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares